Top ten: estes dez carros fizeram história com apenas três rodas

0
28


Morgan 3 Wheller

Reprodução/Internet

De 1911, com duas rodas à frente e uma atrás, foi equipado com um V2 e fez sucesso na Inglaterra graças ao baixo custo na produção e tributação mais barata, já que se enquadrava no segmento de moto, mas com conforto de um carro. Depois da Segunda Guerra Mundial, ele voltou a ser fabricado.

Reliant Robin

Reprodução/Internet

Em meio à crise do petróleo nos anos 70, a britânica Reliant apresentou o Robin, com motor de 750 cc e com menos de 500 kg. Fazia até 25 km/l. Nos EUA, a Twentieth Century fez um similar: Dale, sem sucesso.

Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de Quatro Rodas? Clique aqui e assine com 64% de desconto.

Messerschitt

Reprodução/Internet

A fabricante de aviões alemã Messerschmitt foi obrigada a parar a produção ao final da Segunda Guerra. Quando voltou a operar, fez os triciclos KR 175 e KR 200 com motor dois-tempos de 1 cilindro de 174 cc.

Polaris Slingshot

Reprodução/Internet

Projetado para oferecer esportividade e contato com o ambiente, o americano Slingshot tem tração traseira e motor GM 2.4 Ecotec de 175 cv, mas foi homologado como moto. Custa entre US$ 21.199 e US$ 26.199.

Pal-V One

Reprodução/Internet

O PAL-V ONE (Personal Air and Land Vehicle) é o primeiro carro híbrido e giroplano do mundo. Projetado pela Holandesa PAL-V em 2012, tem motor a gasolina que permite alcançar 180 km/h e voar a 4.000 pés.

Continua após a publicidade

Motorcar

Reprodução/Internet

Desde 2009 como a primeira indústria especializada na produção de veículos de três rodas, a brasileira Motorcar produz modelos homologados para o transporte de passageiros ou pequenas cargas.

Benz Patent-Motorwagen

Reprodução/Internet

Considerado o primeiro automóvel, o triciclo de 1886 pesava apenas 265 kg e tinha motor de quatro tempos com um cilindro de 954 cc, enormes rodas raiadas e pneus maciços que favoreciam na estabilidade.

Aptera 2E

Reprodução/Internet

A Aptera Motors fez o 2e em 2006, mas o projeto não decolou por falta de financiamento. Chegaram a planejar um sedã convencional, mas a empresa faliu antes de o modelo ser lançado.

Elio P 30

Reprodução/Internet

Produzido pela americana Elio Motors, é equipado com motor a gasolina de três cilindros e 55 cv. Sua média de consumo era de 33 km/l. O modelo produzido em 2017 trazia airbags e freios ABS.

Toyota i-Road

Reprodução/Internet

Apresentado em 2013, o elétrico i-Road pesa 300 kg e tem uma autonomia de 50 km graças a dois motores elétricos de 2 kW de 2,7 cv. Atualmente o modelo está em fase de testes pelas ruas do Japão e da França.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da nova edição de Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Arte/Quatro Rodas

Continua após a publicidade





Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here