O melhor tanque de guerra do mundo

0
199

A primeira batalha com tanque de guerra ocorreu entre os britânicos e os alemães, em 1918, apontar qual é o melhor tanque de guerra do mundo não é uma tarega fácil.

Alimentados por motores de tratores , equipados com cerca de meia polegada de blindagem e uma variedade de metralhadoras e canhões, desde então diversas melhorias foram feitas incluindo Armaduras avançadas, sensores de alta tecnologia, equipamentos de comunicação e alto poder de fogo! Por curiosidade hoje vamos conhecer os 5 melhores tanques de guerra do mundo!

O melhor tanque de guerra do mundo
Tanque de Guerra

Tanque de Guerra: T-84 Oplot – Rússia

Como a maioria dos tanques russos, o Oplot é armado com um canhão de 125 milímetros e pode disparar uma variedade de explosivos com precisão. A munição é carregada por um autoloader que leva cerca de oito segundos por rodada.
Para localizar e atingir os alvos com precisão, a tripulação usa imagens panorâmicas e térmicas enquanto usam um computador balístico, permitindo que o tanque dispare com precisão enquanto estiver em movimento.

Tanque de Guerra: Tipo 99 A2 – China

Os tanques chineses foram desenvolvidos com engenharia reversa de tanques capturados ou obtidos secretamente. O resultado era muitas vezes, um tanque que parecia um projeto soviético ou americano, mas era muito inferior em todos os aspectos.
Como os tanques russos e ocidentais, o 99 A2 tem uma interface altamente digitalizada e sistema de gerenciamento de batalha que melhora a eficiência do tanque e a capacidade de operar no campo de batalha. o tanque chinês também é equipado com um sistema de proteção ativa que pode detectar e derrotar mísseis de entrada com um alto grau de sucesso.

Tanque de Guerra: M1A2 – USA

Em termos de proteção, este tanque é composto em camadas de aço, cerâmica, plástico e urânio empobrecido que é extremamente denso e difícil de penetrar.
Também conta com visualizadores térmicos para o comandante e artilheiro, sistema GPS modernizado e displays de alta resolução. Além disso, o comandante não precisa expor os snipers ao operar a metralhadora pois existe uma estação de armas controlada remotamente na torre.

Tanque de Guerra: T90 – Rússia

Ao longo das últimas décadas, o T-72 foi atualizado e melhorado para permanecer competitivo. Em meados da década de 1990, o projeto tinha sido melhorado tanto que os designers russos decidiram que ele garante um novo modelo – o T-90.
Em termos de proteção, o tanque conta com um sistema de detecção e bloqueio de mísseis que torna muito mais difícil abater a máquina em batalha. Para armamento, o T-90 usa uma versão melhorada do canhão de 125mm encontrado em outros tanques soviéticos. A arma usa um autoloader que, em cerca de 6 segundos, pode carregar toda a munição.

Tanque de Guerra: K2 Black Panther – Coréia do Sul

Em meados da década de 1990, o governo sul-coreano decidiu começar a desenvolver um tanque projetado e produzido nacionalmente. O resultado foi o K2 Black Panther que conta com dois canhões de 150 mm.

O tanque está equipado com as mais recentes câmeras de visão noturna e térmica e, em combinação com a gestão automática dos computadores, fazem do K2 um dos mais eficientes tanques de guerra ao redor do mundo.

O sistema de proteção ativa, similar aos demais, tentará destruir qualquer míssil que esteja prestes a atingir o tanque usando uma pequena carga explosiva.



Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here