Deputado acusa Felipe Neto de incitar massacre na escola em Suzano e o youtuber revida

0
217

Felipe Neto usou seu perfil no Twitter para criticar a atitude do Deputado Federal, Carlos Jordy (PSL). Segundo o youtuber, Jordy o acusou de ficar incitando o massacre ocorrido em Suzano através de um dos vídeos por ele divulgado.

Para Felipe Neto, o deputado cometeu uma calúnia contra ele e agora terá que responder criminalmente e completou: “Vou me informar com a equipe jurídica sobre como faremos. Mas esse aí não vai sair impune. Pode levar o tempo que for, vai responder“.

O youtuber explicou que os rumores que surgiram na deep web, em alguns chans, de que ele incentivou o massacre na escola Raul Brasil, foi uma mentira implantada pelos próprios chans.

Essa polêmica toda teve início no último sábado (30), quando o deputado Jordy usou o Twitter para fazer uma postagem dizendo que os pais não devem deixar seus filhos assistirem aos vídeos de Felipe Neto e que em 2016, o youtuber teria divulgado imagens ensinando os seguidores como se faz para acessar a deep web.

Agora descobriram que os assassinos de Suzano pegaram informações para o massacre num dos sites após assistirem ao vídeo“, completou o deputado.

Felipe Neto divulgou um vídeo informando aos seguidores que caso encontrem acusações contra ele, seja por envolvimento com pedofilia, droga, ou crimes assim, devem ficar atentos e explica o motivo, conforme pode ser conferido logo abaixo.

Felipe Neto gravou um vídeo em 2016, onde denunciou os chans, que são os fóruns na deep web, onde os participantes postam mensagens de forma anônima e por isso podem falar sobre tudo, inclusive sobre crimes bárbaros.



Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here